TECHPRO2: FPT INDUSTRIAL AO LADO DOS JOVENS TRABALHADORES DE AMANHÃ

Há mecânicos que sonham em ser engenheiros: todos querem possibilidades para entrar no mercado de trabalho. Agora, graças à FPT Industrial, estes sonhos podem se tornar realidade para os jovens de Ennerdale, comunidade da periferia de Joanesburgo, na África do Sul.

 

Para tornar isso possível, existe o TechPro², um projeto suportado pela CNH Industrial, com a FPT Industrial como um dos principais patrocinadores. O programa consiste na formação técnica de um grupo de jovens, com a intenção de preparar uma equipe altamente qualificada que possa ocupar funções na indústria automotiva. Criado em 2008, o TechPro² é suportado também pelas "Obras Salesianas de todo o mundo" e cresceu exponencialmente nos últimos anos, chegando a criar novos centros de formação em muitos países.

​ 

Pedimos a Marco Piazza, Gerente de Vendas da África e Oriente Médio da FPT Industrial que falasse do projeto para a gente. "Foi uma experiência muito intensa, pois tivemos a oportunidade de conhecer as condições reais desta região da África do Sul, onde se vê dificuldades em qualquer lugar. O empenho da comunidade salesiana é muito importante, pois ajudam os jovens e também os preparam para a vida profissional. Este é o porquê da FPT Industrial querer iniciar esta parceria, com a certeza de beneficiar estes jovens e toda a comunidade".

 

Qual é o objetivo da TechPro²?

"Retirar os jovens da rua e colocá-los em um contexto escolar que dê a eles uma estrutura e um ponto de referência: são 300 entre crianças e adolescentes, com idades entre 4 e 16 anos, que estudam cerca de seis horas por dia, das 8h às 14h. Além das aulas, há vários cursos profissionais como cozinha, costura e informática, para que adquiram mais capacitações.

 

Como os jovens que participam do projeto enfrentam o mercado de trabalho?

"Com certamente eles têm mais oportunidades do que os outros alunos e não só nas concessionárias da FPT Industrial, mas no mercado de trabalho em geral. Esta atividade foi lançada na Etiópia, em conjunto com a CNH Industrial, e os resultados foram excelentes: na realidade, 100% dos diplomados teve uma vaga no estabelecimento onde são montados os veículos. Esperamos alcançar os mesmos objetivos na África do Sul".

 

A FPT Industrial forneceu ao projeto motores Power Generation e on-road, desenvolvendo também um programa de formação online para oferecer conhecimentos de base sobre estes motores. O curso é ministrado por um professor, formado no local, e tem a duração de um ano. No final desse ano, os alunos recebem um "diploma" especial reconhecido pelo governo sul-africano. Para facilitar sua entrada no mercado de trabalho, os participantes do TechPro² também realizam estágios em algumas revendedoras locais da FPT Industrial.